Mortalidade Neonatal e Distocia em Cadela: Breve Revisão

Autores

  • Amanda Talys Sampaio Universidade do Oeste Paulista. SP, Brasil.
  • Augusto Robledo de Oliveira Cazunatti Universidade do Oeste Paulista. SP, Brasil.
  • Marilice Zundt Universidade do Oeste Paulista. SP, Brasil.
  • Caliê Castilho Universidade do Oeste Paulista. SP, Brasil.

DOI:

https://doi.org/10.17921/1415-6938.2024v28n1p60-64

Resumo

A duração média da gestação canina é de 63 dias, podendo variar de 56 a 72 dias de acordo com a raça e o tamanho da ninhada. A taxa de mortalidade neonatal é elevada, podendo ter causas diversas que incluem: hipóxia associada à distocia, doenças genéticas, más condições de higiene no canil, doenças infecciosas, tríade neonatal, entre outras. O objetivo desta revisão é conhecer as causas de mortalidade neonatal em cadelas com enfoque nas distocias, reconhecer e intervir no parto distócico e os cuidados iniciais com o neonato visando diminuição na perda de filhotes. A revisão da literatura foi realizada no período de dezembro de 2022 a dezembro de 2023, nas plataformas de busca Google Acadêmico e Pubmed. Quando o parto não ocorre da maneira programada e a fêmea não consegue expulsar os fetos, sendo um ou mais, é denominado distocia, tendo sua origem materna, fetal ou mista. O Médico Veterinário tem um papel importante na redução de causas evitáveis de distocia, através da orientação dos tutores acerca de um acasalamento apropriado e cuidados durante a gestação.

Palavras-chave: Prenhez. Canicultura. Parto. Filhote de Cachorro.

Abstract

The average duration of pregnancy in dogs is 63 days, which can vary between 56 and 72 days depending on breed and litter size. The mortality rate in newborns is high and can have various causes: Hypoxia associated with dystocia, genetic diseases, poor hygiene conditions in the kennel, infectious diseases, neonatal triad and others. The aim of this review is to understand the causes of dystocia, outline the necessary care during gestation in predisposed bitches and neonatal care leading to a reduction in neonatal mortality, and review the need for interventions during gestation. The literature search was conducted from December 2022 to December 2023 using the Google Scholar and Pubmed search platforms. When the birth does not proceed as planned and the bitch is unable to expel one or more fetuses, it is called dystocia, and the cause may be maternal, fetal or mixed. Veterinarians play an important role in reducing the preventable causes of dystocia by advising owners on appropriate mating and care during pregnancy.

Keywords: Pregnancy. Canine care. Parturition. Puppy.

Publicado

2024-04-22

Como Citar

TALYS SAMPAIO, Amanda; ROBLEDO DE OLIVEIRA CAZUNATTI, Augusto; ZUNDT, Marilice; CASTILHO, Caliê. Mortalidade Neonatal e Distocia em Cadela: Breve Revisão. Ensaios e Ciência C Biológicas Agrárias e da Saúde, [S. l.], v. 28, n. 1, p. 60–64, 2024. DOI: 10.17921/1415-6938.2024v28n1p60-64. Disponível em: https://ensaioseciencia.pgsscogna.com.br/ensaioeciencia/article/view/11901. Acesso em: 25 maio. 2024.

Edição

Seção

Artigos