Miocardiopatia Hipertrófica em um Gato Doméstico (Felis catus) Associada a Doença do Rim Policístico – Relato de Caso

Autores

  • Jamile Haddad Neta Unopar, Programa de Pós-Graduação Stricto Sensu em Saúde e Produção Animal. PR, Brasil
  • Isabely Dias Poli Universidade Norte do Paraná, PR. Brasil
  • Daniella Aparecida Godoi Kemper Universidade Norte do Paraná, PR. Brasil https://orcid.org/0000-0002-4331-7572

DOI:

https://doi.org/10.17921/1415-6938.2023v27n4p468-472

Resumo

Foi atendida uma gata Persa, com sete anos de idade, apresentando apatia, anorexia e cansaço. Ao exame físico constatou-se intenso sopro sistólico e renomegalia. Na ultrassonografia abdominal foi possível visualizar aumento considerável do rim direito com presença de cistos em camada cortico-medular. O RX de tórax demonstrou cardiomegalia generalizada e edema pulmonar, e a avaliação eletrocardiográfica revelou ritmo sinusal com presença de marcapasso migratório com aumento da duração da onda QRS e aumento da amplitude da onda S. Foi instituído tratamento paliativo para miocardiopatia hipertrófica e doença do rim policístico com sinais de insuficiência renal, porém diante do quadro avançado, do prognóstico desfavorável e da piora do quadro, o animal foi submetido à eutanásia a pedido da tutora. O exame histopatológico dos rins revelou, além das estruturas císticas, nefrite intersticial multifocal crônica e atrofia compressiva do parênquima renal adjacente aos cistos. No miocárdio observou-se hipertrofia concêntrica do ventrículo esquerdo, fibrose intersticial discreta e focos de desarranjo das fibras. Embora a ecocardiografia e os testes genéticos sejam fundamentais para o diagnóstico conclusivo ante mortem, os exames histológicos post mortem confirmaram ambas as doenças. O encontro simultâneo das duas patologias de origem genética em dois órgãos vitais e já em fase tardia contribuiu desfavoravelmente para o prognóstico do animal, o que poderia ter sido evitado com exames de triagem e de certificação das doenças por parte dos criadores. Diante disso, o presente relato demonstra a importância da investigação de doenças genéticas na clínica de felinos, mesmo na ausência de sintomas, a fim de evitar sua propagação e perpetuação.

Palavras-chaves: Cardiopatia. Cistos Renais. Doenças dos Gatos. Doenças Genéticas.

Abstract
A 7-year-old Persian cat was seen, showing apathy, anorexia and tiredness. Physical examination revealed an intense systolic murmur and renomegaly. Abdominal ultrasound showed a considerable increase in the right kidney with the presence of cysts in the corticomedullary layer. Chest X-ray showed generalized cardiomegaly and pulmonary edema, and the electrocardiographic evaluation revealed sinus rhythm with the presence of a migratory pacemaker with increased QRS wave duration and increased S wave amplitude. Palliative treatment was instituted for hypertrophic cardiomyopathy and polycystic kidney disease with signs of renal failure, but given the advanced condition, the unfavorable prognosis and the worsening of the condition, the animal was submitted to euthanasia at the owner's request. Histopathological examination of the kidneys revealed, in addition to the cystic structures, chronic multifocal interstitial nephritis and compressive atrophy of the renal parenchyma adjacent to the cysts. In the myocardium, concentric hypertrophy of the left ventricle, mild interstitial fibrosis and foci of fiber disarrangement were observed. Although echocardiography and genetic testing are essential for a conclusive ante-mortem diagnosis, post-mortem histological examinations confirmed both diseases. The simultaneous finding of the two pathologies of genetic origin in two vital organs and already at a late stage contributed unfavorably to the animal's prognosis, which could have been avoided with screening tests and certification of the diseases by the breeders. In view of this, the present report demonstrates the importance of investigating genetic diseases in the feline clinic, even in the absence of symptoms, in order to prevent their propagation and perpetuation.

Keywords: Cat Diseases. Genetic Diseases. Heart Disease. Kidney Cysts.

Biografia do Autor

Isabely Dias Poli, Universidade Norte do Paraná, PR. Brasil

Aluna de graduação do curso de Medicina Veterinária, com bolsa de Iniciação Científica pela FUNADESP. 

Daniella Aparecida Godoi Kemper, Universidade Norte do Paraná, PR. Brasil

Docente Permanente do Programa de Mestrado em Saúde e Produção Animal da UNOPAR. Mestrado e Doutorado em anestesiologia veterinária pela USP. Especialização em cardiologia veterinária pela ANCLIVEPA.

Downloads

Publicado

2023-12-19

Como Citar

HADDAD NETA, Jamile; POLI, Isabely Dias; KEMPER, Daniella Aparecida Godoi. Miocardiopatia Hipertrófica em um Gato Doméstico (Felis catus) Associada a Doença do Rim Policístico – Relato de Caso. Ensaios e Ciência C Biológicas Agrárias e da Saúde, [S. l.], v. 27, n. 4, p. 468–472, 2023. DOI: 10.17921/1415-6938.2023v27n4p468-472. Disponível em: https://ensaioseciencia.pgsscogna.com.br/ensaioeciencia/article/view/10882. Acesso em: 16 abr. 2024.

Edição

Seção

Artigos