Pasteurelose em Canino: Relato de Caso

Autores

  • Maria Carolina Risso Milano Unopar, curso de Medicina Veterinária. PR, Brasil
  • Monique Aparecida de Souza Carmona Médico Veterinário. PR, Brasil
  • Ana Maria Correa Feitosa Médico Veterinário. PR, Brasil
  • Laissa Cardoso dos Santos Médico Veterinário. PR, Brasil
  • Milton Trombini Júnior Médico Veterinário. PR, Brasil
  • Aline Hidalgo Vieira Médico Veterinário. PR, Brasil
  • Gustavo Corrêa da Silva
  • Gabriel Henrique Dias Soares Médico Veterinário. PR, Brasil
  • Nathan Augusto Muriel Médico Veterinário. PR, Brasil
  • Maria Giovana Pereira dos Santos Médico Veterinário. PR, Brasil
  • Sara Busquini Carmona Unopar, curso de Medicina Veterinária. PR, Brasil
  • Maria Eduarda Zanin Domingues Unopar, curso de Medicina Veterinária. PR, Brasi
  • Victória Salido Belo de Oliveira Unopar, curso de Medicina Veterinária. PR, Brasil
  • Jamile Haddad Neta Unopar, Programa de Pós-Graduação Stricto Sensu em Saúde e Produção Animal. PR, Brasil

DOI:

https://doi.org/10.17921/1415-6938.2023v27n4p459-461

Resumo

A Pasteurelose é uma zoonose de grande relevância no sistema de produção animal do país, sendo vista mais comumente em épocas frias e regiões temperadas. Os animais mais acometidos e estudados são os suínos, bovinos e coelhos. Pode acometer todas as idades, mas é frequentemente observado em animias mais jovens, a partir de seis meses de vida, sem predisposição a sexo, ração e pelagem. É uma bactéria cocobacilo Gram negativo, capsulado e não esporulado, que acomete principalmente sistema respiratório superior e digestório dos animais. A bactéria se aloja e multiplica ativamente nos pulmões, desencadeando um processo inflamatório com aumento da permeabilidade vascular, exsudação de líquidos, fibrina e hemorragia. Resultando em uma pneumonia serofibrinosa, com edema intersticial, ou dos septos interlobulares, apresentação de hepatização vermelha, petéquias pleurais e serofibrinosa, tendendo a formar aderências entre as pleuras visceral e parietal. Em animais de companhia a forma mais comum é multocida e pneumotropica. A trasmissão ocorre por mordidas, arranhadura, saliva ou secreções nasais de um animal infectado. O diagnóstico é feito por meio da sintomatologia e lesões macroscópica, teste de ELISA (ensaio de imunoabsorção enzimática), cultivo bacteriano e antibiograma e PCR (reação em cadeia da polimerase). O tratamento é realizado através de antibioticoterapia e posíveis sintomas que o animal pode apresentar. A prevenção ocorre por ventilação e higiêne adequada do canil. O objetivo deste trabaho foi relatar um caso de Pasteurelose em canin, macho, de um ano de idade que habitava em um canil de treinamento.

Palavras-chave: Anemia. Ciprofloxacino. Efusão Pleural. Hepatopatia. Hipertermia.

Abstract
Pasteurellosis is a zoonosis of great relevance in the country's animal production system, being seen more commonly in cold seasons and temperate regions. The most affected and studied animals are pigs, cattle and rabbits. It can affect all ages, but is often observed in younger animals, from six months of life, without predisposition to sex, food and coat. It is a Gram-negative coccobacillus bacterium, capsulated and not sporulated, which mainly affects the upper respiratory and digestive systems of animals. The bacteria lodges and actively multiplies in the lungs, triggering an inflammatory process with increased vascular permeability, exudation of fluids, fibrin and hemorrhage. Resulting in a serofibrinous pneumonia, with interstitial edema, or of the interlobular septa, presentation of red hepatization, pleural and serofibrinous petechiae, tending to form adhesions between the visceral and parietal pleura. In companion animals, the most common form is multocidal and pneumotropic. Transmission occurs through bites, scratches, saliva or nasal secretions from an infected animal. The diagnosis is made by means of symptoms and macroscopic lesions, ELISA test (enzymatic immunoabsorption test), bacterial culture and antibiogram and PCR (polymerase chain reaction). The treatment is carried out through antibiotic therapy and possible symptoms that the animal may present. Prevention is through ventilation and proper hygiene of the kennel. This summary is about a disease finding in Paraná in a training kennel.

Keywords: Anemia. Ciprofloxacin. Pleural Effusion. Liver Disease. Hyperthermia.

Downloads

Publicado

2023-12-19

Como Citar

MILANO, Maria Carolina Risso et al. Pasteurelose em Canino: Relato de Caso. Ensaios e Ciência C Biológicas Agrárias e da Saúde, [S. l.], v. 27, n. 4, p. 459–461, 2023. DOI: 10.17921/1415-6938.2023v27n4p459-461. Disponível em: https://ensaioseciencia.pgsscogna.com.br/ensaioeciencia/article/view/10765. Acesso em: 16 abr. 2024.

Edição

Seção

Artigos